Para utilizar las funcionalidades completas de este sitio es necesario tener JavaScript habilitado. Aquí están las instrucciones para habilitar JavaScript en tu navegador web.

Programa educacional no Vale Sagrado

TAO Valle Sagrado

Além de minimizar o impacto de suas operações, uma parte importante do programa de Sustentabilidade da Explora considera trabalhar com as comunidades que habitam os lugares aos quais seus viajantes são introduzidos. Nesse quadro, um dos projetos de maior sucesso nos últimos anos anteriores à pandemia foi o Terevaka Archaeological Outreach Program (TAO), desenvolvido em conjunto com o arqueólogo americano da Universidade do Havaí, Brett Shepardson.

O programa consiste em um workshop educativo de 14 dias para jovens que pertencem à comunidade local.

O TAO define sua missão em três partes: primeiro, oferecer uma experiência educativa em torno dos recursos naturais e culturais nos quais a comunidade local está imersa, segundo gerar consciência e experiência sobre medidas de conservação e desenvolvimento sustentável e finalmente, estudar e documentar os fenômenos naturais e culturais do passado e do presente.

TAO Valle Sagrado

Antes da pandemia, este programa foi desenvolvido exclusivamente em Rapa Nui e agora estamos iniciando a primeira versão no Vale Sagrado dos Incas no Peru.

PROGRAMA VALE SAGRADO

Em julho, foi realizado o primeiro programa TAO em nosso lodge em Vale Sagrado, Peru, que busca aproximar as comunidades locais do território.

O acampamento durou duas semanas e participaram 15 crianças, entre 12 e 18 anos, de diferentes escolas locais, principalmente de Urquillos.

O TAO é um programa voluntário de educação experiencial liderado pelo arqueólogo PhD Britton Shepardson, que juntamente com 6 alunos da Northern Arizona University realizaram diferentes atividades e pesquisas durante este período, para ensinar as comunidades locais, especialmente as novas gerações, sobre o destino de uma forma divertida e no terreno.

O tema do programa foi a água, onde as crianças tiveram várias aulas, juntamente com alguns guias da Explora, sobre geologia, recursos naturais, ecologia, história, entre outros, para compreender a importância da água ao longo do tempo.

“No Vale Sagrado percebi que o rio Urubamba é a base da vida há mais de mil anos e que atualmente é tóxico, por isso é importante mostrar às crianças como as culturas antigas cuidavam dele e assim encontrar uma maneira de ver como as novas tecnologias podem ajudar a resolver esse problema”, comentou Britton Shepardson.

MÃOS À OBRA

Durante o programa, os jovens realizaram dois projetos de pesquisa em grupo, primeiro eles tiveram que identificar os contaminantes no rio e procurar outras fontes de água, e segundo criar modelos digitais das paredes dos terraços incas, que são parte das instalações do lodge, para evitar que caiam por deterioração.

TAO Valle Sagrado

A ideia é que eles compartilhem todas as informações coletadas durante o programa com seus familiares e amigos, a fim de ampliar o conhecimento e envolver mais pessoas nas problemáticas da área e sua solução.

Britton Shepardson enfatizou a importância de empoderar as pessoas locais para que não sejam tão dependentes de especialistas para encontrar formas sustentáveis ​​de cuidar do meio ambiente.

AS ORIGENS DO TAO

Em 2003, Brett Shepardson criou o TAO, um programa de educação experiencial para sensibilizar os jovens Rapa Nui com a arqueologia, modos de vida tradicionais, tecnologia e desenvolvimento sustentável. Por meio de pesquisas não invasivas, busca empoderar a comunidade local para conhecer sua história, cuidar de suas tradições e participar da conservação de seu patrimônio cultural e natural; para que o legado não se perca e possa ser passado para as gerações futuras.

A partir de 2012, com o apoio da Northern Arizona University, o TAO começou a oferecer oportunidades para estudantes universitários de todo o mundo se voluntariarem como estagiários no programa, atuando como mentores e assistentes de pesquisa. Foi lá que a Explora fez uma aliança com o TAO e começaram a fazer o programa todos os anos, onde Explora forneceu hospedagem para alunos e voluntários durante o programa e facilitou a participação dos guias nos cursos de ensino.

[class^="wpforms-"]
[class^="wpforms-"]